Trilho Europeu » Grupo Lisboa     Entrar
Grupo Lisboa
  
Grupo Lisboa

As associações: Associazione Guide e Scouts Cattolici Italiani; Corpo Nacional de Escutas; Éclaireuses et Éclaireurs de France; Federació Catalana d’Escoltisme i Guiatge; Federación de Asociaciones de Scouts de España – ASDE; Les Scouts – Fédération Catholique des Scouts Baden-Powell de Belgique; Movimiento Scout Católico; Scouts de France reuniram-se pela primeira vez em Lisboa, a 6 e 7 de Outubro de 2001 e criaram um fórum de reflexão e ação sobre temas escutistas. A este fórum deram o nome de "Grupo de Lisboa", e definiram como principais objetivos orientadores os seguintes:

  • Contribuir para o desenvolvimento e enriquecimento pedagógico geral do Movimento Escutista;
  • Dotar-se de um espaço de reflexão e debate sobre as sua respetivas experiências;
  • Criar um fórum de reflexão sobre programas e projetos educativos;
  • Constituir uma plataforma de intercâmbio e promoção de ações comuns;
  • Promover uma voz comum em questões onde partilhem pontos de vista semelhantes.

As associações decidem ainda convidar as restantes associações europeias de âmbitos culturais onde se falem línguas de origem latina, a aderirem a este grupo e aos seus objetivos.

Organização interna e sistema de trabalho

Os encontros acontecem sempre no terceiro fim-de-semana de Setembro e a organização da reunião é feita por associações e não por países. Da equipa organizadora têm que fazer parte:

  • 1 elemento da associação que acolheu o encontro anterior
  • 1 elemento da associação que acolhe o encontro do ano
  • 1 elemento da organização que acolhe o próximo encontro.

Existe uma reunião anual e uma ação sob um tema de fundo (preparado antecipadamente pelas associações)e são convidados a participar o presidente da associação (no caso do CNE o Chefe Nacional), o comissário internacional e/ou um ou dois elementos relacionados com o tema, a nível nacional.

Uma das caraterísticas do "Grupo Lisboa" é o fato de cada participante falar na sua língua mãe. Por isso as línguas de trabalho são: português, espanhol, italiano e francês.

Em 2010 os "Romanian Scouts" com o objetivo de se envolverem mais juntaram-se também ao Grupo Lisboa acrescentando agora uma nova língua de trabalho para as futuras reuniões, o romeno.

  

Documentos
  

   
Copyright 2010 - CNE :: Internacional   Condições de Utilização  Declaração de Privacidade